sábado, 11 de outubro de 2008

E Não Me Restam Estradas

Continuo sozinho e sem direção.

Como eu pude permitir que me passassem pra trás dessa forma?!

Pq infernos ainda procuro por perfeição, se é tão óbvio que eu não vou encontrar?!

Agora me pergunto quando perdi meu senso de direção. Como foi que deixei escapar meus objetivos?!

Poderia eu recuperar o que está perdido dentro de mim?
E pq raios eu sinto como se merecesse tudo isso?!
Pq minha dor se parece tanto com meu orgulho?
E nos meus erros e medos, acabo me traindo de mais uma vez.

Tudo pq... Acabo me decepcionando outra vez.
E com meus erros e medos eu fujo.
E o silêncio me rasga.
Eu fujo mas acabo sempre indo mais fundo.
Mal posso respirar.
Mas não há arrependimento.
Nem me restam estradas pra fugir!
By Mike and Spike.

5 comentários:

Danielle Shinoda disse...

Nossa,cmo sempre adorei seu post!
Mto demais,ninah! ^^

Cmo jah disse,vc eh uma garota mto inteligente,seus texto são sempre massa!!!

bjão!!!

Guel disse...

Pq infernos ainda procuro por perfeição, se é tão óbvio que eu não vou encontrar?!


Agora me pergunto quando perdi meu senso de direção. Como foi que deixei escapar meus objetivos?!


Poderia eu recuperar o que está perdido dentro de mim?

Às vezes me sinto assim...

O texto está foda!

=D

Shagaly disse...

"Pq infernos ainda procuro por perfeição, se é tão óbvio que eu não vou encontrar?!"

Engraçado... vc pergunta por que infernos e eu por que diabos, hauhauhua... Os quintos devem estar fervendo!!!

Textos quentes!!!

Bjs!

Jessy disse...

"Venha!
Meu coração está com pressa
Quando a esperança está dispersa
Só a verdade me liberta
Chega de maldade e ilusão
Venha!
O amor tem sempre a porta aberta
E vem chegando a primavera
Nosso futuro recomeça
Venha!
Que o que vem é Perfeição!..."

Renato Russo - Perfeição

Vc não está só nessa busca pela perfeição e por caminhos perdidos dentro de nós mesmas!

Amei!

beeijo

Dona do Caos disse...

amei... e né por nada não mas, a perfeiçao eu encontrei, mas de tanto duelar com meu orgulho acabei perdendo-a. risos
valeu pelo comentario. xero